Como Testar um Trompete

Como Testar um Trompete

Como testar um trompete? Essa é uma pergunta recorrente – Há que se testar a qualidade do som, resposta, entonação (afinação) e resistência.

Veja algumas dicas que serão úteis:

  1. Teste o trompete com, pelo menos, um amigo confiável. É interessante OUVIR e COMPARAR. O som é diferente no lado da audiência.

  2. Teste o trompete em diferentes lugares (inclusive onde será geralmente usado). Alguns trompetes soam melhor em diferentes ambientes.

  3. Leve consigo para o local do teste:
    1. O trompete antigo (caso já tenha um) – para fazer comparações,

    2. Um afinador,

    3. Uma música com a qual esteja habituado (e do estilo que comumente tocará neste trompete).

 

Estado visual e condição geral

Faça uma inspeção minuciosa:

  • Há amassados, afundamentos, batidas, riscos ou problemas de acabamento?
  • Como é a resposta das válvulas? (lubrifique, se necessário);
  • As válvulas giram? Há excesso de frouxidão? Isso é altamente indesejável;
  • Os capelotes, chaves d’água e bombas (curva) são móveis e funcionais?
  • Há vazamentos? [retire as bombas (uma por vez) das válvulas, pressione o pistão correspondente, coloque o dedo na saída de ar e sopre pelo leadpipe para verificar].
  • Aproveite ao tirar a bomba correspondente da segunda válvula para verificar o alinhamento desta quando pressionada.
  • Verifique se as válvulas estão seladas, retirando as bombas correspondentes até a metade e, então, pressionando o pistão correspondente. Se há um “poft”, está OK.
  • Retire a bomba de afinação geral e veja se há ferrugem, corrosão ou partículas estranhas (sujeira) no interior do leadpipe.

Tocando no trompete

 

  • Toque notas longas no registro médio. Encontre o “centro” da nota (lugar onde a ressonância é ótima) com pequenos bends. Toque bem suave.
  • Toque escalas vagarosamente indo para o registro agudo. Há uniformidade de som em toda extensão? Articule, faça ligaduras (exercícios de flexibilidade), use shakes. Toque piano, toque forte. Como é a resposta?
  • Verifique a afinação tocando intervalos de oitavas no registro médio. Toque a escala de Si (que é geralmente desafinada) usando um afinador.

Faça os procedimentos acima acompanhado por um amigo que conheça bem o trompete. Peça para ouvir em diferentes lugares da sala e faça o mesmo. Alterne tocando com o trompete seu antigo. Se possível, teste muitos trompetes.

Abdalan da Gama

16 respostas para Como Testar um Trompete

  1. manoel disse:

    amigo gostei das sua dicas então testei o trompete nao vaza ar mas vasa saliva na primeira bomba e nao desafina porq vaza saliva?

    • Muitos trompetes não estão no padrão de qualidade ideal. Não consigo entender no teu caso porque um orifício não permite a passagem de ar e sim de saliva (esta última muito mais densa). Mas, sentido-se confortável com o instrumento e extraindo dele o som que deseja, ele é bom PARA VOCÊ. Bons estudos.

  2. Solange disse:

    Estou a pensar em comprar um trompete antigo que não é muito caro, mas tem muitos anos e estão e bom estado, o que devo fazer?
    Será que o trompete ainda toca?

    • você deve levar alguem que entenda pois se á uma duvida é sempre bom esta acompanhado de alguem que conheça o instrumento, mas a dica fica: tem que saber qual marca e ver o numero da serie , ver tambem principalmente questão de afinação e pistos se estão ainda em um perfeito estado de conservação,toque o com o bocal que você usa isso vai te dá uma confiança ao teste .

  3. Gidelson disse:

    Boa tarde professor, adquirir recentemente um Trompete Bb C.G. CONN 1BRSPG Vintage one, porém ele veio com a bomba de afinação do 3º pisto um pouco pesada. O senhor tem alguma dica de como posso deixá-la leve? Afinal de contas é uma bomba de suma importância e sempre a usamos nas execuções. Grato

    • Tenho um método próprio que não sei se é o melhor: para todos os encaixes da bomba de afinação, e das curvas do segundo pisto (exceto na bomba associada ao terceiro pisto), coloco vaselina – veja, na verdade eles vendem o que chamam de “grease”; provavelmente a razão porque eles mantêm esse nome em inglês seja para encobrir o preço exorbitante que cobram por um produto que é tão barato em todos os outros segmentos. Por isso, já recomendei “lanolina” como substituto, um produto que você compra em qualquer farmácia de manipulação e é tão barato que eles provavelmente não cobrarão pela quantidade que você precisa. Bom, ao ponto: para a curva do terceiro pisto, estando bem lavada, sem resíduos, aplico um quantidade ínfima de lanolina e adiciono uma ou duas gotinhas de óleo lubrificante de pisto em cada lado. Funciona para mim. Se a bomba associada ao primeiro pisto precisar (e se tiver ganchos ou gatilhos de afinação), faça o mesmo. Claro que a curvinha do segundo pisto, pelo fato de não ser móvel enquanto tocamos, basta a lanolina.

      Uma palavrinha sobre o óleo lubrificante: gosto dos melhores; não dá para economizar aqui. Conn, Bach, Holton (o melhor, exceto pelo cheiro que é horrível), Blue Juice (talvez o melhor na razão custo/benefício), etc. Fuja do Weril.

  4. Gidelson disse:

    Muito Obrigado Professor!!! Vou seguir a sua dica.

  5. decio ludewig disse:

    OBRIGADO, VOU TESTAR LANOLINA, VI UMA SITUAÇÃO QUE USARAM A VASELINA EM PASTA NUM SAX PROVAVELMENTE PRA VAZAMENTO E PARECE QUE REAGIU COM A COLA (QUE ERA DAQUELAS COLAS DE MAT DE CONST) E SOLTOU TODAS SAPATILHAS

  6. jailson disse:

    como faç

    o pra pratica escala petatonica no trompepe?

  7. jailson disse:

    como eu faço pra pratica escala petatonica no trompepe?

  8. celio antonio disse:

    Tenho 52 anos amo o som do trompete , sera que tenho ainda oportunidade de aprender esse instrumento ,parece ser tao dificil ,e ai professor o que o sr me aconseha devo esquecer disso

  9. jefferson kleiton soares de melo disse:

    meu trompete está com as bombas coladas mais de 2 anos sem uso..
    como faço p/ solta-las ?? obg

  10. TENHO UM TROMPETE WERILL E DEPOIS QUE TOQUEI EM UM TROMPETE DA EAGLE, PERCEBI QUE O SOM DO EAGLE É MAIS MACIO E OS AGUDOS SOBRESAEM MELHOR. PERCEBI TAMBEM QUE OS PISTOS DO MEU WERIL TEM UMA LEVE FOLGA ENTRE ELES E AS CAMISAS DO TROMPETE. SERÁ QUE EXISTE ALGUMA FORMA DE TIRAR OU COMPENSSAR ESSAS FOLGAS OU TENHO QUE COMPRAR O JOGO DE PISTOS NOVOS.

    ADILSOM of TRUMPET CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM-ES

  11. O primeiro pistão que fica perto da boca toca normalmente, mas os outros dois apesar da passagem de Ar não tocam? O que fazer?

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s