Técnica

Técnica

O Technical Studies de Herbert L. Clarke é uma excelente fonte onde buscar o desenvolvimento técnico do trompete.

1- Esses exercícios devem ser praticados como se fosse possível passar o dia inteiro tocando-os sem se fadigar – devem ser executados sem esforço e com muita tranqüilidade.

2- Deve-se inicialmente praticar os exercícios de maneira lenta e com perfeição.

3- É recomendável tirar o dedo mínimo do gancho (ou anel) sobre o leadpipe para executar os exercícios.

4- Usar os modelos de articulação recomendados por Clarke – legato, staccato T, staccato K e combinação desses.

Sobre Clarke há testemunhos que era capaz de tocar uma escala cromática de três oitavas, quatro vezes em um só fôlego. Ele coloca esse exercício no Estudo 9: Com a seguinte introdução:

“Nenhum esforço é necessário”

“O exercício seguinte é meu teste de resistência diário. Ele deve se praticado quatro vezes em um só fôlego”   H. L. Clarke (negrito meu)

Confira o Exerecicio 184 de Clarke.

Bem, o exercício está no método; mas como realizá-lo? Meu palpite é: estudando-o do começo!

As recomendações de Clarke para o primeiro estudo são: Não exceder a dinâmica marcada nos exercícios para evitar fadiga e esforço demasiado. Danos permanentes à embocadura pode ocorrer se o som é forçado. Praticar cada exercício de oito a dezesseis vezes em um fôlego, mantendo lábios e dedos flexíveis. Contrair os lábios levemente nas linhas ascendentes e relaxar nas linhas descendentes.

Podemos adicionar que esses exercícios não devem ser praticados à toda velocidade logo na primeira abordagem. O mais importante é tocar inicialmente LENTA e METICULOSAMENTE. Não estamos ensinado os dedos, e sim a cabeça!

Que velocidade? tão vagarosamente quanto necessário para fazer cada exercício sem erros.

Velocidade, facilidade de execução, fluência e talento artístico, nascem da atitude que partem da vontade de interiorizar a tarefa de maneira aplicada, detalhista a cuidadosa.

Esse método possui também os melhores exercícios para o desenvolvimento da habilidade no dedilhado do trompete. Sobre essa questão, é interessante frisar: Não pressione as válvulas simplesmente: erga os dedos bem altos e bata nelas com força.

É essencial DESCANSAR ENTRE OS EXERCÍCIOS. Clarke tinha um propósito ao colocar fermatas em cada barra dupla final. O ideal é descansar tanto quanto tocou.

Fazer “resumos” integrando exercícios. Depois de executar os exercícios de 1 a 7, fazer o seguinte:

e assim por diante.

NÃO PARE NO EXERCÍCIO 25. Tente ir um pouco mais além, mas não force! Como alternativa, comece com o exercício 7 e faça ½ tom acima e ½  tom abaixo, e assim sucessivamente.

MAIS TARDE, TRABALHE para adquirir VELOCIDADE E CONTROLE. Depois use o ritornello, buscando EXECUTAR NA QUANTIDADE DE VEZES RECOMENDADA por Clarke EM UM FÔLEGO e MUITO SUAVEMENTE, NUM SUSSURRO.

Quando for possível fazer cada um dos 25 exercícios 4 vezes em um fôlego, ESTUDAR O ETUDE. Finalmente, FAZER O ETUDE COM O RITORNELLO.

É claro que há excelentes exercícios sobre técnica em outros métodos além do Technical Studies for the Cornet de Herbert L. Clarke. Há, por exemplo, bons exercícios técnicos no Saint-Jacome’s Grand Method for Trumpet or Cornet.

Dura usu molliora

Abdalan da Gama

2 respostas para Técnica

  1. oswaldo camara disse:

    caro amigo parabens pelo trabalho gostaria de saber como posso adquirir este metodo de estudo H.L.CLRKE, desde ja agradeço asua prestimosa atençao

  2. oswaldo camara disse:

    caro amigo parabens pelo trabalho gostaria de saber como posso adquirir este metodo de estudo H.L.CLARKE, desde ja agradeço asua prestimosa atençao

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s